Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Institucional > Notícias > Romário Policarpo defende valorização da Educação, ao sancionar lei que concede aumento de gratificação a diretores de escolas e Cmeis
Início do conteúdo da página

Romário Policarpo defende valorização da Educação, ao sancionar lei que concede aumento de gratificação a diretores de escolas e Cmeis

Criado: Sexta, 18 de Novembro de 2022, 15h44 | Publicado: Sexta, 18 de Novembro de 2022, 15h44 | Última atualização em Sexta, 18 de Novembro de 2022, 15h44

Texto prevê reajuste das funções gratificadas de diretor e secretário-geral de instituição educacional, conforme número de crianças e estudantes matriculados nas unidades educacionais. “Quem merece agradecimento são vocês, profissionais da educação, diretores e secretários, que se dedicam dia após dia para que a educação em Goiânia não pare”, destaca Policarpo

sanção da leiO prefeito em exercício Romário Policarpo sancionou, na tarde desta quinta-feira (17/11), lei que concede reajuste para diretores de escolas e Centros Municipais de Educação Infantil (Cmeis). A proposta altera a concessão de gratificação, e prevê reajuste conforme o número de crianças e estudantes matriculados nas unidades educacionais.

“Quem merece agradecimento são vocês, profissionais da educação, diretores e secretários, que se dedicam dia após dia para que a educação em Goiânia não pare. Nos alegramos a cada aumento como esse, pelo reconhecimento dado a vocês. Educação é um dos pilares de uma sociedade que respeita a população”, afirmou o prefeito em exercício.

Com a nova lei, diretores podem receber gratificações entre R$ 1.800 e R$ 3.400. No modelo anterior, servidores que ocupam cargo de direção recebiam gratificações entre R$ 657,95 e R$ 2.196,30. Já a gratificação para secretário-geral passa a ser de R$ 900 a R$ 1.700.

Antes, gratificações eram calculadas de acordo com o número de ambientes das unidades educacionais. A nova legislação altera esse dispositivo, e considera que uma instituição com número maior de estudantes exige mais esforço da gestão educacional.

Desta forma, para fins de cálculo da quantidade de estudantes matriculados, nas unidades educacionais que atendem em período integral, cada estudante será contado em dobro, tendo em vista que estes são atendidos em dois turnos.

O secretário municipal de Educação, Wellington Bessa, afirma que a atual gestão faz história na Educação, com a valorização dos servidores públicos, reformas e construção de novas unidades escolares, e investimentos em tecnologia. O titular da SME destacou, ainda, números como o salto no número de escolas em tempo integral, que cresceu um terço, além da ampliação de 5 mil vagas na educação infantil.

“Nossas escolas estão se tornando referência, pois os profissionais que nós temos são os melhores. E a valorização dos servidores é uma pauta nossa, por isso, meu reconhecimento ao SindiGoiânia e Sintego que, juntos com a prefeitura e Câmara Municipal, fazem parte desse momento histórico”, afirmou Bessa.

Reconhecimento
A diretora Andréia Umbelina Carrijo, da Escola Municipal Professora D’alka Leles, localizada no setor Orlando de Morais, explica que a categoria almeja essa conquista há anos.

“Minha unidade possui mais de 900 alunos e, atualmente, minha gratificação é um pouco maior que a dos professores, apesar de tantas responsabilidades. Estávamos nessa função por gostar, mas agora eu me sinto valorizada”, pontua a diretora.

O professor Márcio Carvalho, que representou o SindiGoiânia no evento, destacou que o aumento de 15% concedido aos professores, neste ano, soma-se à conquista do reajuste significativo para diretores e secretários da Rede Municipal de Ensino. “São profissionais com muitas responsabilidades, e que hoje recebem o devido reconhecimento. Essa lei é resultado de um trabalho de muitas mãos”, frisou.

A presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Goiás (Sintego), Bia de Lima, ressaltou a força do diálogo para as conquistas alcançadas pelos trabalhadores da educação, na atual gestão. “Quando o professor Wellington Bessa chegou à SME, entreguei a pauta da educação, e um dos pontos era a gratificação dos diretores e secretários-gerais. E, hoje, finalmente, essa dedicação contínua é reconhecida”, assinalou.

Participaram da solenidade, dentre outras autoridades, os vereadores Anselmo Pereira, Léia Klébia, Pedro Azulão Jr, Juarez Lopes, Kleybe Morais, Paulo Magalhães, Henrique Alves, Aava Santiago e Joãozinho Guimarães, e ainda, os secretários municipais Valfran Ribeiro (Seplanh) e Michel Magul (Segov).

Secretaria Municipal de Comunicação (Secom) – Prefeitura de Goiânia

registrado em:
Fim do conteúdo da página